Dicas incríveis de Como Jogar Poker Online

Textos sobre os melhores sites para Jogar Poker Online, dicas sobre Como Jogar Poker e entrevistas com os principais nomes do Poker no país.

Assine nossa newsletter para ganhar um BÔNUS exclusivo concedido pelo YAPOKER para leitores do blog!

Dicas de Como se Tornar Um Bom Jogador de Poker

Dicas de Como se Tornar Um Bom Jogador de Poker

A maior parte das pessoas que entra em contato com o poker pela primeira vez costuma seguir uma linha de acontecimentos. Primeiro você joga “para ver como é”, depois entende as regras e começa a tentar dominar o jogo. Mas, afinal, como se tornar um bom jogador de poker?

Se você já foi apresentado a esse jogo tão apaixonante e decidiu que quer dominá-lo, quais aspectos deve levar em conta? No que você precisa focar e o que vai ser necessário deixar de lado para elevar o nível do seu jogo?

“Como se tornar um bom jogador de poker” é uma verdadeira pergunta de milhões. Ou seja: é muito complexo respondê-la. Porém, com as dicas a seguir, você certamente vai elevar o seu nível. Talvez não a ponto de entrar na lista dos maiores premiados da história do poker, mas poderá ser lucrativo no longo prazo.

Confira 8 dicas de como se tornar um bom jogador de poker.

Paciência

Tente lembrar de um jogador de poker impaciente e bem sucedido e falhe miseravelmente. A paciência é um dos principais ingredientes na receita que faz alguém ter sucesso nas mesas, seja no online ou nos torneios ao vivo.

Profissionais do poker jogam em média menos de 30% das mãos de um torneio. Isso não quer dizer, no entanto, que eles ficam totalmente alheios ao jogo nos 70% restantes do tempo. Exercitar a paciência tem a ver com utilizar o tempo “ocioso” para analisar os adversários enquanto não aparece um bom spot para apostar na hora certa.

Longo prazo

Essa dica ainda tem relação com a paciência, mas não durante um torneio ou mesa de cash, e sim durante toda sua trajetória no poker. Para ser um bom jogador, é preciso entender que o resultado que interessa está no longo prazo.

Se você tem convicção de que fez a jogada certa, mas acabou perdendo um pote enorme porque o adversário acertou dois outs no river, lembre-se: no longo prazo, quando essa mesma situação tiver acontecido 10, 100, 500 vezes, você vai ganhar dinheiro nesse spot.

Da mesma forma, não se emocione ao ganhar um pote gigante se você sabe que tomou a decisão errada. Olhe para o longo prazo e se pergunte: eu vou ganhar ou perder dinheiro com o passar do tempo se continuar jogando dessa maneira?

Jogadores com sorte ganham grandes mãos, jogadores habilidosos ganham grandes torneios.

Estudo

Não existe a menor possibilidade de se tornar um bom jogador de poker sem estudo. E aqui estamos falando das diversas formas de estudo que você pode encontrar facilmente atualmente.

Você pode preferir ver vídeos no Youtube, ler livros, assistir profissionais analisando seus próprios torneios, contratar um coach e fazer uma imersão, analisar um torneio seu com a ajuda de um professor… enfim. O que não faltam são maneiras de estudar e entender a estratégia por trás de cada ficha apostada ou fold dado.

Já citamos essa frase aqui no Shark, mas sempre vale a pena enfatizar: o poker é um jogo que leva minutos para ser aprendido, mas uma vida inteira para ser dominado. E você só terá chances de dominá-lo se nunca parar de estudar.

Prática

Em certo grau, essa dica bate um pouco de frente com a anterior. Estudar é importante, sim, mas de nada adianta ler, assistir e consumir muito conteúdo teórico se você não colocá-lo em prática.

Alguns profissionais recomendam que você invista pelo menos o dobro de tempo na prática em relação ao tempo que passa estudando. Afinal de contas, é na prática que você vai memorizar com mais facilidade o que estudou.

Fazer anotações com situações que acontecem durante o jogo também é uma boa estratégia para auxiliar nos seus estudos. Em resumo, a conexão entre a teoria e a prática é o que vai elevar o seu nível.

Um excelente site para começar a praticar é o Bodog, cuja maior benefício é ser uma site focad em apostas esportivas e, portanto, um local propício para enfrentar um field de jogadores menos regular.

Seja específico

Quando falamos em poker como um todo, estamos englobando dezenas de modalidades e tipos de torneio. Se você quer ser um bom jogador, o ideal é que, ao menos no início, se especialize em apenas um tipo de jogo.

Você prefere torneios ou mesas de cash? Acredita que tem mais chances de ser lucrativo jogando No Limit Hold’em ou Pot Limit Omaha?

O Hold’Em, com 2 cartas secretas e 5 comunitárias, é a modalidade de poker mais difundida. Mesmo assim, existem profissionais que optam por se especializar em outros tipos de jogos, onde a concorrência não é tão grande, e fazem carreira longe das mesas com mais holofotes.

Escolher um tipo de jogo para se especializar vai permitir que você foque seus estudos e sua evolução na modalidade, acelerando seu crescimento.

Bankroll

Ser um bom jogador de poker significa ser um jogador lucrativo no longo prazo. E para isso, além de conhecer as estratégias, evitar os erros mais comuns durante o jogo e dominar as variáveis que envolvem as fichas e as cartas, também é preciso fazer um bom controle da sua banca.

Caso contrário, por mais que seja um bom jogador, você estará sempre jogando em limites que não condizem com o seu bankroll, e cada torneio perdido fará muito mais diferença do que deveria nas suas economias.

Ter uma estratégia bem definida de controle de banca e não abandoná-la “no matter what” fará toda diferença se você quer se tornar um bom jogador de poker.

Matemática

Alguns profissionais de poker são melhores em matemática do que outros. Mas todos eles são bons em algum nível. É impossível ser lucrativo no longo prazo sem utilizar a matemática a seu favor durante cada mão.

Não, a matemática não deve ser o único fator preponderante para tomar decisões em uma mesa de poker. Mas ela precisa, sim, ter um peso grande em cada uma das suas atitudes. 

A união do que a matemática indica com o que o feeling está te dizendo vai levar você a tomar as melhores decisões. O poker é um jogo de números tanto quanto de pessoas.

E isso nos leva à última dica…

Psicológico

De nada adianta você ter um bom controle de bankroll, estudar muito, praticar, ser específico, paciente e visar o longo prazo se tudo pode ser colocado por água abaixo em um momento de tilt.

Saber lidar com as questões psicológicas que estão envolvidas no poker é tão fundamental quanto qualquer um dos elementos citados anteriormente. Um jogador com a cabeça despreparada não consegue tomar as melhores decisões, por mais que a razão esteja lhe mostrando o caminho correto.

Para se tornar um bom jogador de poker, você vai precisar controlar sua mente. E muitas vezes, não só para o poker, mas para tudo na vida, será preciso ter auxílio de profissionais para treinar o seu lado psicológico.

Lembre-se: o poker é um esporte da mente. Se a sua não estiver sendo bem cuidada, suas chances nos feltros serão muito pequenas.

Foto de Chris Liverani no Unsplash

Sobre o Autor

Lucas Coppi
Lucas Coppi

Copywriter e curioso por natureza, Lucas cultiva duas grandes paixões na vida: esportes e viagens. Muito interessado pelos esportes da mente, encontrou no poker uma maneira de manter o espírito competitivo vivo enquanto estuda probabilidades nos feltros live e online.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.